Grupo de Mães

No que consiste?

O grupo de mães surge com o objetivo de criar um espaço contentor de partilha, suporte, esclarecimento de dúvidas, reflexão e aprendizagem entre grávidas e recém-mães.


Inclui a grande mais-valia de integrar a presença constante de uma enfermeira dotada de conhecimentos e competências específicas no âmbito da saúde mental no período da gravidez e pós-parto para fornecer suporte às mulheres, sempre que considerado necessário.

Onde se encontram?

Loures

No centro de atividades "Árvore dos Bebés" - Infantado.

Lisboa

No centro de desenvolvimento "Passo a Passo" - Campo Grande.

Almada

No centro de desenvolvimento e reabilitação "Cantinho do Mimo" - Cova da Piedade.

Informações adicionais

Grávidas e recém-mães 

Se estás interessada em integrar algum destes grupos, toma nota de que:

  • O grupo ocorre com uma frequência semanal, sempre no mesmo dia, e à mesma hora. Contudo, não tens de vir "obrigatóriamente" todas as sessões;
  • Podes trazer o teu bebé;
  • O que se pretende nestes grupos é manter um ambiente informal, descontraído e tranquilo, onde todas as experiências e opiniões são válidas e importantes;
  • Estes grupos são dirigidos a todas as grávidas e recém-mães que tenham interesse;
  • Qualquer tema que consideres necessário e adequado abordar dentro do grupo, é válido e importante. Convido-te a trazeres todas as tuas questões; 
  • Para saberes informações sobre preços, dia/hora de cada local, ou qualquer outra questão sobre os grupos não hesites em contactar-me - blog@mulherfilhamae.pt

Entidades e Profissionais de saúde

Se estão interessados em integrar estes grupos nas entidades que gerem, ou nos vossos locais de trabalho, tomem nota de que:

  • Existem diversos tipos de grupos de grávidas e recém-mães que podem ser organizados e dinamizados. Depende do contexto, dos objetivos, dos locais e do grupo-alvo a integrar. 
  • Podemos desenvolver em conjunto grupos terapêuticos ou não terapêuticos, abertos ou fechados, contudo, pretende-se que haja sempre uma liderança profissional, e que nestes grupos se crie um espaço contentor e propício à colocação, reflexão e discussão de dúvidas e questões de vários tipos inerentes ao período de transição para a maternidade.
  • Caso estejam interessados em reencaminharem mulheres grávidas e recém-mães para estes grupos, em saberem mais informações sobre os mesmos, e/ou para pensarmos numa possibilidade de parceria, contactem-me para blog@mulherfilhamae.pt

"Ter um filho é um dos acontecimentos mais desafiadores da vida, talvez o maior de todos"

Brazelton (1992)